Só, não sóbrio…

12 mar

Sentimentos reprimidos

Distorcidos num copo de cerveja

Ele olha no espelho e já não sabe

Quem ele é

Lá fora todos  são felizes

Mas ele não conhece ninguém

Alguns não estão nem aí

Outros querem seu couro

Mas ele não quer nem saber

Todos os seus anjos já se cansaram

Ele está só, só e não sóbrio

Procura olhar dentre seus olhos

Miúdos e vermelhos

Procura o que restou da sua alma

Seu coração antes puro,

Hoje é duro como pedra

Mas não há água que o quebre,

Não há? Será?

Lembrou dos seus amigos,

E de como seria bom que eles estivessem  ali

Ele  estava só, não sóbrio…

Anúncios

Uma resposta to “Só, não sóbrio…”

  1. Marta Melo 14 de março de 2012 às 16:44 #

    Legal gostei…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: